Artista com Alzheimer faz autorretratos

Eu sou apaixonada por artes, nem preciso falar mais isso.

Encontrei uma reportagem sobre um artista que expressava a sua arte numa situação peculiar e resolvi compartilhar com vocês.

Antes que a doença o fizesse esquecer o próprio rosto, William Utermohlen, desenhou autorretratos por cinco anos. Ele foi diagnosticado com Alzheimer em 1995. Apesar da doença devastadora – certamente uma notícia que ninguém gostaria de receber -, o pintor decidiu lançar-se a um projeto secreto.

Até sua morte, em 2007, ele dedicou-se a produzir autorretratos, com um período de diferença de aproximadamente um ano.

Para o expectador, é difícil precisar se as mudanças nos retratos se devem à perda de suas habilidades artísticas ou a mudanças em seu estado psicológico. Em todo caso, eles documentam a turbulência emocional de um artista observando a própria mente afastar-se gradativamente de si.

gcom_alzheimer_01

gcom_alzheimer_02

gcom_alzheimer_03

gcom_alzheimer_04

gcom_alzheimer_05

gcom_alzheimer_06

gcom_alzheimer_07

gcom_alzheimer_08

Fonte: aqui

Wanessa Galdino

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s